11 Mar :: Vaiapraia e as Rainhas do Baile



11 MAR. SÁB. 23H
Vaiapraia e as Rainhas do Baile
Pop | CC | 3€ | M/12 anos


Rodrigo Vaiapraia começou a fazer quase-canções em meados de 2013 dentro de um quarto-de-dormir setubalense. Depois de uma adolescência com a educação musical feita a ir a concertos, a ver a Courtney Love no Youtube, a falar com amigos e a constantemente não conseguir formar uma banda que não se desmoronasse, o formato "cantautor" surgiu meramente por razões terapêuticas e logísticas. Vendo o modus operandi DIY como a única e melhor alternativa, pegou num teclado da Casio e em demasiados sentimentos e formulou o seu bedroom pop que teve direito a alguns concertos a solo e a um EP produzido por Filipe Sambado e lançado pela Experimentáculo Records.
No Outono de 2014, as andanças da diáspora e os caminhos dos astros permitiram que Vaiapraia trabalhasse com Helena Fagundes (baterista brasileira criada no seio do riot grrrl paulista e elemento activo do garage rock lisboeta) e com Shelley Barradas (baixista e guitarrista sul-africana do universo punk e da constante busca de experimentar). Destas migrações e deste encontro feliz, nasceram Vaiapraia e as Rainhas do Baile. Ao longo de 2015, fizeram-se acompanhar nas teclas pelo Van Ayres, o célebre art-freak lisboeta.
Preparam um primeiro disco que é fruto desta amizade e que é inspirado pela filosofia riot grrl, pela música pop dos anos 60 e pela vídeo-vigilância não requisitada em que vivem. 2016 é o ano de afirmação de Vaiapraia e contam já com concerto de abertura para as americanas FEELS.

0 comentários: